Evento: Conexão Rotary com Dimas Cabral

10-25-21 Conexão Rotary

When:

Venue:

Organizer

E no dia 25 de outubro, o Conexão Rotary traz em entrevista uma pessoa muito especial e que tem um romance com o Rotary Club desde criança, mesmo antes de saber da importância do Rotary na vida da comunidade.

Vale lembrar que Paul Percy Harris, quando decidiu juntar-se a outros amigos e fundou o Rotary Club, tinha em mente agregar pessoas que pudessem ter tolerância, respeito e confiança, ou seja, companheirismo – a essência e a razão de pertencermos à família do Rotary.

Terceiro filho de Antonio Cabral, o policial conhecido como “indigesto” por suas severidade e disciplina, e de Genny Cabral – a primorosa costureira dona de uma permanente doçura, Dimas conheceu o companheirismo ainda muito cedo, na infância recheada de emoções e de boas memórias.

Chegou à escola já alfabetizado e decidido a continuar a tradição familiar – Denise, sua irmã mais velha, durante os 4 anos do ensino primário foi ganhadora de medalhas por ser a primeira da classe. A tradição foi mantida por Dimas até a terceira série, quando a premiação foi extinta porque as medalhas eram compradas pelas próprias professoras, o que provocou um grande desapontamento ao aplicado aluno da escola pública do Jardim São Manuel, em Santos – SP.

Dimas Cabral diz que num dia de setembro de 1977, sua tristeza em relação a medalha de melhor aluno mudou. Foram informados que o Rotary Club estava visitando a escola e que os estudantes iriam participar de uma eleição para indicar o “melhor companheiro” e o aluno eleito, além de receber uma medalha com o nome da escola, ganharia entradas para o cinema, com direito a Coca Cola e pipocas, extensivas à família. Para sua surpresa ele foi o escolhido e este ato o deixou extremamente satisfeito e agradecido. Esta premiação se tornou muito mais valiosa, até mais importante que as medalhas de destaque nos primeiros anos escolares, tamanha foi sua emoção.

O Rotary Club de Santos vem mantendo este projeto há mais de 75 anos, trazendo o conhecimento e demonstrando a importância do relacionamento de amizade, onde o escolhido faz a diferença entre seus colegas por ser um ajudador e, para as crianças, uma lição de vida muito importante: o voto deve ser feito com consciência e sabedoria, demonstrando que os futuros homens e mulheres apreendem nesta fase escolar o que é ser um cidadão de bem e os fundamentos de companheirismo, valores para uma vida.

Dimas Cabral, hoje empresário bem sucedido, casado e pai, foi convidado por um amigo para ir a uma reunião, compareceu e logo se apaixonou pelos projetos e pelo entusiasmo do Club que realiza tantas ações sociais. Aceitou prontamente o convite para se tornar sócio. E a missão de ajudar pessoas e tomar parte dos projetos do Club trouxe a sua mente a incrível emoção da infância.

Nas páginas do livro da celebração dos 90 anos do clube, consta a história do aluno do colégio da periferia santista – Dimas, o menino que aos 9 anos de idade, recebeu a medalha de “Melhor Companheiro” da Escola Pública do Jardim São Manoel e que, 40 anos depois, recebeu o PIN (broche) com símbolo do Rotary Club, coincidentemente, pelas mãos do cirurgião dentista Dr. Lamartine Lélio Busnardo que, há 46 anos, foi um dos rotarianos envolvidos na premiação de sua infância.

O Rotary Club tem trazido ao Dimas muito conforto e amizades além de realizações. Emocionado, ele diz que o companheirismo, uma das missões entre os rotarianos, é uma das razões que o mantém firme, determinado e servindo junto aos companheiros de seu clube.

O Conexão Rotary traz exemplos fortes de família e projetos que sempre marcam a vida não só de quem é beneficiado pelas ações do Rotary, mas também à vida de quem é voluntário.

Continue fazendo parte desta Conexão. Até lá…

Links para assistir ao vivo: https://ourcard.com.br/GazetaNews

Você está em outro país? Clique aqui para saber qual será seu horário local: https://www.starts-at.com/event/1813372630

Quer saber sobre outros eventos? Clique aqui.

When:

Venue

Organizer