Nosso primeiro Natal no RC Boca Raton West

Por Bernadete Zagonel

Uma das primeiras coisas que fiz antes de vir morar em Boca Raton foi procurar por clubes de Rotary na região. Rotariana há quase 20 anos na cidade de Curitiba, eu até já havia sido Presidente de meu clube, e não queria me afastar dessa instituição que considero uma das mais importantes e produtivas prestadoras de serviços humanitários, de preservação da ética e de promoção da paz no mundo. Qual não foi minha surpresa quando descobri que havia um clube formado somente por brasileiros. Rapidamente entrei em contato com a Secretária que, na época, era a Lucia Darzi, e fui atendida com toda a atenção e carinho. Conversamos várias vezes por e-mail, e combinamos que eu e minha família iríamos participar de uma reunião tão logo chegássemos nos EUA. Foi exatamente o que ocorreu.

Visita 2017 Bernadete Zagonel Nem preciso dizer que fomos recebidos como se sempre tivéssemos frequentado esse clube. Ao nos ver chegando a Lúcia veio ao nosso encontro, nos apresentou à presidente Vera Schaeffer e também aos outros membros presentes. Assistimos à reunião, e no seu decorrer fui chamada para falar de nós e de meu clube brasileiro, ao qual eu ainda estava ligada. Trocamos nossas flâmulas, como é de costume nessas situações, eu entregando a do Rotary Club de Curitiba, e a Presidente me oferecendo a do Rotary Club Boca Raton West. A partir desse dia, nunca mais me afastei desse clube, e hoje faço parte dessa família rotária de brasileiros na Florida.

Era início de dezembro de 2017 e as comemorações relativas às festas de final de ano já estavam sendo organizadas. Foi aí que, na reunião seguinte, recebo o convite para participar do jantar em comemoração ao Natal que teria lugar na casa da Claudia Fehribach, uma das integrantes do clube. Era uma festa fechada, somente para as pessoas do grupo e seus familiares, mas os rotarianos, como é de seu feitio, estenderam seus braços para nos receber. Para nós, foi um gesto de acolhimento que jamais esqueceremos, pois havíamos acabado de chegar, e ainda não tínhamos conseguido desenvolver novas amizades.

No dia marcado comparecemos à festa e, também, levamos uma lembrancinha para participar de uma brincadeira de troca de presentes. A casa estava toda decorada com motivos natalinos, e havia uma área externa linda, com diversas mesas dispostas para acomodar a todos. Foi um encontro realmente animado, com um jantar delicioso e muitas brincadeiras para proporcionar maior confraternização entre os amigos. Teve até dança, prolongando ainda mais esses momentos de descontração.

Tivemos, assim, nossa primeira festa de celebração de Natal nos EUA. Por isso externo, aqui, minha gratidão a esse clube de rotarianos brasileiros que abriu as portas para nos receber. Espero que esse meu depoimento possa mostrar àqueles que desejam se aproximar do Rotary que haverá sempre lugar para um novo Rotariano.